Home » Empreendedorismo » Redes sociais: a prova social que vai alavancar a sua marca pessoal

Redes sociais: a prova social que vai alavancar a sua marca pessoal

Se pretende ser uma referência no mercado em que atua é imprescindível trabalhar bem as suas redes sociais. Elas são, hoje em dia, uma montra digital para qualquer profissional e podem ser canais poderosos para alavancar o seu negócio e para o ajudar a ter sucesso na difícil tarefa que é ser empreendedor

As redes sociais são canais de divulgação e de promoção da marca pessoal, um bom meio de prospeção de negócios, de captação de novos clientes e de novas plateias, bem como de interação com a rede de contactos existente. 

Mais importante do que isso, elas são uma verdadeira “prova social” que atesta a qualidade do serviço prestado por um dado profissional. Cada vez mais, os consumidores e clientes dão mais importância ao fator referenciação. Seja através de avaliações (normalmente apelidadas de reviews), de partilhas da página profissional ou de posts que mencionam o quão felizes estão por terem contado com aquele profissional, a verdade é que, no processo de escolha de qualquer consumidor, a validação social e o feedback de outros clientes são um critério de decisão incontornável. 

Segundo o relatório The Sprout Social Index, Edition XVII, 31% dos consumidores preferem deixar comentários ou avaliações sobre produtos ou serviços nas redes sociais sendo que, o consumidor comum, tende a acreditar mais naquilo que foi a experiência passada dos seus semelhantes, do que em narrativas já preparadas pelas marcas. Mais uma vez, comprova-se aqui a importância de bem gerir e trabalhar estes poderosos meios de comunicação. 

Assim, neste artigo, deixamos-lhe algumas dicas fundamentais para o ajudar a gerir melhor as suas redes sociais e a tirar o máximo partido destes canais para acelerar o seu negócio e fortalecer a sua marca pessoal. 

Aposte nas redes sociais chave para o seu negócio 

Gerir redes sociais é um trabalho verdadeiramente exaustivo e requer muito mais tempo do que aparentemente se possa pensar. Pensar na estratégia, analisar métricas, dar resposta à rede de contactos existente e manter-se constantemente atualizado sobre as novas funcionalidades e novidades é um trabalho a tempo inteiro. Desengane-se quem pensa o contrário. 

Por isso, se o seu tempo para gerir redes sociais é limitado, opte por trabalhar aquelas que verdadeiramente têm um impacto direto no desenvolvimento do seu negócio. 

Diferentes redes sociais atingem públicos diferentes e têm também objetivos potencialmente distintos. Por exemplo, enquanto o LinkedIn é uma rede estritamente profissional que funciona particularmente bem para negócios B2B, o Facebook já consegue ser uma rede mais generalista, híbrida e de maior alcance. Temos ainda redes sociais para camadas mais jovens como, por exemplo, o Instagram e o TikTok. Analise as suas reais necessidades, entenda quem pretende atingir e foque-se nas redes mais benéficas para o seu negócio. 

Ler mais: Ser empreendedor: 5 hábitos importantes que deve cultivar

Defina quais são os seus objetivos 

Antes de avançar com qualquer estratégia, importa refletir sobre uma simples questão: o que pretende das redes sociais? Esta é a premissa que irá permitir-lhe desenvolver a sua  estratégia e definir também objetivos de crescimento a médio e longo prazo.

De acordo com o relatório Sprout Social Index™ de 2021, os objetivos mais comuns nas redes sociais são: aumentar a notoriedade de uma marca ou, neste caso, de um profissional (58%) e aumentar a interação com a comunidade online (58%).

Por isso, seja conciso e objetivo e defina exatamente os objetivos que quer atingir nas suas redes sociais: quanto quer que a sua plateia cresça nos próximos meses, qual deve ser o alcance médio dos seus posts ou quantos pedidos de contacto quer receber todas as semanas, são apenas alguns exemplos de objetivos claros.

Estude a sua audiência 

Fazer assunções é um grande erro no que toca à boa gestão de redes sociais. Estes canais são completamente mensuráveis e grande parte da informação estatística que precisa para tomar melhores decisões está disponível de forma totalmente gratuita. Apenas tem de saber onde procurar. 

Nesse sentido, consulte regularmente as estatísticas das suas páginas e entenda quem é a sua plateia. Lembre-se ainda que diferentes redes sociais atraem diferentes audiências. 

A título de curiosidade, sugerimos que leia o artigo da Sprout Social com alguns dados demográficos nas diferentes redes sociais, registados ao longo do ano de 2021. Claro está que, dependendo da especificidade do seu negócio, do mercado que trabalha e da região geográfica a partir da qual opera, esta realidade poderá ser substancialmente diferente. 

Defina quais são as métricas que quer analisar 

As redes sociais estão cheias de métricas que são absolutamente essenciais para os profissionais de marketing digital. Contudo, para a grande maioria das pessoas, tantos indicadores diferentes podem tornar-se confusos e podem fazê-lo sentir-se ligeiramente perdido. 

Por isso, se vai trabalhar as suas redes sociais sozinho, defina os KPI (indicadores) que são mais importantes para si e foque-se neles. Podem ser, por exemplo, impressões (visualizações), cliques, interações e conversões (cuja tipologia varia dependendo do seu negócio). 

Crie conteúdo relevante para a sua plateia 

Aqui não existem surpresas. A sua estratégia de social media terá tanto sucesso quanto a qualidade do conteúdo que publicar. Mantenha-se consistente no tom de voz que decidir usar, para que a sua plateia se identifique e reconheça o seu estilo de comunicação. Pode ser muito útil criar rubricas e  agrupar o conteúdo por temas específicos. Exemplos claros dessa estratégia são as partilhas de conteúdo behind the scenes, curiosidades ou dados estatísticos sobre o mercado, informações relacionadas com o seu produto ou serviço, avaliações de clientes, etc. 

Se tem dúvidas sobre o tipo de conteúdo a partilhar, pode inclusive fazer uma votação online, de forma a perceber que conteúdos a sua plateia considera serem mais relevantes. 

Igualmente importante é perceber os formatos que funcionam melhor nas redes sociais. Explore todos os diferentes tipos de formatos – desde os vídeos às stories – e aposte naqueles que têm melhores resultados para o cumprimento dos seus objetivos.  

Saiba qual é a melhor altura para publicar

Voltando ao momento em que falámos do quão importante é conhecer as estatísticas da sua página, recomendamos que analise com especial atenção as melhores alturas para fazer publicações nas suas redes sociais. 

Perceba quais são os dias da semana com melhores taxas de interação e a que horas do dia a sua plateia está mais ativa e recetiva às suas publicações. Se está a trabalhar com campanhas pagas nas redes sociais, pode igualmente definir as horas e os dias em que os seus anúncios vão estar ativos. Desta forma, conseguirá otimizar o seu orçamento e a sua estratégia. 

Esteja sempre disponível

Da mesma forma que, enquanto empreendedor e profissional, está provavelmente sempre contactável por telemóvel ou por e-mail, é importante não se esquecer que as redes sociais também são verdadeiros canais de comunicação. Hoje em dia, muitos clientes acabam por achar mais fácil e conveniente contactar uma marca ou um profissional através do messenger do Facebook ou do LinkedIn, do que enviar um e-mail. 

Por isso, inclua na sua agenda o hábito diário de verificar as caixas de mensagens das suas redes sociais (ou configure as notificações de forma a ser alertado sempre que há um novo contacto) e seja rápido a dar respostas aos seus potenciais clientes ou parceiros. Lembre-se que, acima de tudo, é a sua marca pessoal que está em causa.   

Ler mais: Os 5 erros mais comuns na mudança de carreira

Em suma, podemos afirmar que trabalhar redes sociais de forma correta, consistente e estratégica não é efetivamente fácil.Contudo, qualquer profissional que queira tornar-se uma referência no setor onde opera deve fazê-lo com precisão quase cirúrgica. 

Uma opção muito popular por parte de muitos empreendedores que estão fortemente absorvidos por outras componentes operacionais, é delegar esta tarefa a freelancers e especialistas em marketing digital. 

Sendo esse ou não o seu caso, não se esqueça de olhar para estes canais de comunicação como ferramentas poderosas para alavancar o seu negócio e como uma boa forma de fazer crescer a sua marca pessoal no mercado onde se insere.